fbpx

Primeira Mortalidade por Dengue em Mogi das Cruzes Alarma Autoridades

Primeira Mortalidade por Dengue em Mogi das Cruzes Alarma Autoridades
Primeira Mortalidade por Dengue em Mogi das Cruzes Alarma Autoridades

Mogi das Cruzes está sob impacto com a notícia da primeira fatalidade por dengue no município. O falecimento ocorreu em 3 de março, conforme anunciado pela Prefeitura nesta sexta-feira (22), deixando a comunidade em estado de preocupação. A vítima, um homem de 92 anos com condições médicas pré-existentes, succumbiu à doença, evidenciando a gravidade da situação.

A Administração Municipal ressalta que o hospital particular onde o paciente estava não realizou a notificação compulsória do caso, o que gerou um atraso na comunicação à Vigilância Epidemiológica. Somente após o recebimento do óbito, as autoridades municipais foram informadas sobre a situação.

Este trágico acontecimento marca a terceira morte por dengue na região do Alto Tietê, sendo que as duas primeiras foram registradas em Suzano. Na cidade vizinha, as vítimas foram uma mulher de 68 anos, com histórico de diabetes e hipertensão, e outra de 58 anos, sem comorbidades conhecidas. O primeiro óbito ocorreu em 20 de fevereiro, seguido pelo segundo em 1º de março.

Diante desse cenário alarmante, a população é incentivada a redobrar os cuidados e medidas preventivas contra a dengue, incluindo a eliminação de possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença. As autoridades de saúde reforçam a importância da colaboração de todos na luta contra a proliferação do vetor e na proteção da comunidade contra essa grave enfermidade.

Primeira Mortalidade por Dengue em Mogi das Cruzes Alarma Autoridades
Primeira Mortalidade por Dengue em Mogi das Cruzes Alarma Autoridades
Patrocínio
banner image